Segunda-feira, 16 de Abril de 2012

O processo de genializamento do artista

 

 

Há uma canção portuguesa que rebenta as escalas do fastio. É aquela do "eles não sabem nem sonham, não sei quê, entre as mãos de uma criaaaaançaaaa". Mas há um estafermo canadiano que faz desta música um exito do funky: chama-se Leonard Cohen.

 

Este maduro, que já nos aborrece há mais de quarenta anos, goza agora de um regime de diuturnidades. O fenómeno é conhecido, mas pouco estudado: por cada cinco anos que passam, os artistas (se sobreviverem) vão ficando mais génios. É o chamado processo de genializamento do artista. Dá-se em paralelo com a fotossíntese, à medida que a tez dos atingidos, mortos de tédio, vai ficando mais verde.

 

Chegados a um certo ponto, estes "agentes culturais" desatam a "obter galardões". De toda a espécie de proveniências. Das mais às menos insuspeitas. E não há príncipe no planeta que não lhes atribua uma merda qualquer.

 

O processo intensifica-se com o aspecto torturado do artista e com a multiplicação das suas "valências"; no caso presente, temos para todas as inclinações. Depois forma-se uma unanimidade na apreciação das suas coisinhas e voilá: "O Leonard Cohen é um gajo genial".

 

O Leonard Cohen tem ziliões de cançonetas e puézias, composições, novelas e arranjatas. Qualquer delas dá dez a zero no "sonho da criança". É um feito difícil. Diria que é uma proeza olímpica. Se um dia me cruzar com ele, dou-lhe um franco aperto de mão.

 

publicado por Margarida Bentes Penedo às 03:51
link do post | comentar

Pesquisar neste blog

 

Autores

Posts mais comentados

Últimos comentários

Já chega!ZONAS DE SEGURANÇA:-» dinheiro mal gasto....
Caríssimos, compreendo a V. perplexidade e indigna...
não há p+pachorra para ler um post com tanto palav...
Creio que não tem noção da complexidade da investi...
Ao contrário do que pensava o prof. Cavaco, num di...

Arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Links

Tags

25 de abril

5dias

adse

ambiente

antónio costa

arquitectura

austeridade

banca

banco de portugal

banif

be

bes

bloco de esquerda

blogs

brexit

carlos costa

cartão de cidadão

causas

cavaco silva

censura

cgd

comentadores

cortes

crescimento

crise

cultura

daniel oliveira

deficit

desemprego

desigualdade

dívida

educação

eleições autárquicas

ensino

esquerda

estado social

euro

europa

férias

fernando leal da costa

fernando ulrich

fiscalidade

francisco louçã

grécia

greve

impostos

irs

itália

jorge sampaio

jornalismo

josé sócrates

justiça

lisboa

malomil

manifestação

marcelo

marcelo rebelo de sousa

mariana mortágua

mário centeno

mário nogueira

mário soares

mba

nicolau santos

obama

oe 2017

orçamento

pacheco pereira

partido socialista

passos coelho

paulo portas

pcp

pedro passos coelho

política

portugal

ps

psd

público

quadratura do círculo

raquel varela

renzi

rtp

salário mínimo

sampaio da nóvoa

saúde

sns

socialismo

socialista

sócrates

syriza

tabaco

tap

tribunal constitucional

troika

ue

união europeia

universidade de verão

urbanismo

vasco pulido valente

venezuela

vítor gaspar

todas as tags

Gremlin Literário no facebook

blogs SAPO

subscrever feeds

Sitemeter